Gazeta Centro-Sul

Contato: (51) 3055.1764 e (51) 3055.1321  |  Redes Sociais:

Segunda-feira, 24 de abril de 2017

24/04/2017 - 09h05min

Polícia

Ladrão mata comparsa e se entrega da DP de Guaíba

Compartilhar no Facebook

Delegacia de Polícia

Um caso inusitado na crônica policial marcou a semana. Por volta das 21h30 de terça-feira, 18, um jovem de 21 anos entrou na Delegacia de Polícia de Guaíba para confessar que havia matado acidentalmente o seu comparsa, de 23 anos, com um tiro entre o nariz e a boca, usando uma pistola 9 milímetros. Mas a surpresa aumentou quando o autor do disparo fatal explicou que o corpo estava dentro do carro, um Astra prata, roubado em Esteio no ano passado, estacionado ao lado da DP.

Segundo a delegada Sabrina Dóris Teixeira, o indivíduo confessou, de maneira informal, que a dupla teria vindo da cidade de Rio Pardo para cometer um assalto em Guaíba. No entanto, durante o manuseio da arma, disparou sem intenção contra o amigo, acertando um tiro na cabeça.

Os policiais de plantão na DP local confirmaram que o corpo estava devidamente alinhado no banco traseiro do veículo. A dupla tem passagens pela Polícia por roubo e tráfico de drogas em Rio Pardo. O autor do disparo tinha prisão preventiva decretada e foi autuado em flagrante por homicídio na Delegacia Regional de Canoas.

A Delegada Sabrina disse que seguem as investigações, com apoio da DP de Rio Pardo. Ela reconhece que o crime é inusitado e que há situações a serem devidamente esclarecidas, sendo que aguarda pelo laudo da Perícia. Em Guaíba, durante a narrativa de sua história na DP, o homem que confessou a morte do comparsa disse que jogou a pistola na água, sem entrar em detalhes, mas na DP de Canoas permaneceu calado.

Furtos e Roubo de Veículos em Guaíba

No dia 13, por volta das 18 horas, o proprietário de um Fiat Palio azul, 1997, deixou seu carro estacionado na frente de casa, na Rua M1, Cohab, e foi para o trabalho. Ao retornar, não encontrou mais seu carro.

Uma mulher foi abordada por dois bandidos em uma rua do Bairro Fátima, em Guaíba, por volta das 19 horas de sexta-feira, 14 de abril. De acordo com Boletim de Ocorrência na DP local, a vítima estava em seu carro, um Renault Sandero branco, 2013, quando foi abordada pelos ladrões, que levaram o veículo, sendo que um deles estava armado de revólver. Segundo testemunhas, um comparsa da dupla dava cobertura ao assalto em um veículo Kadet velho, estacionado do outro lado da rua.

No sábado, 15, o proprietário de um Fiat Uno branco, ano 1990, deixou o veículo estacionado na calçada em frente da sua casa, na Rua Maceió, Bairro Santa Rita. Conforme ocorrência policial, por volta das 6h10 ele ouviu o barulho do motor de seu carro, mas quando chegou na janela para ver o que acontecia, o veículo não estava mais. O proprietário não tem suspeitos.

Foi preso ao se informar na DP

Um homem de 23 anos foi até a Delegacia de Polícia de Guaíba e acabou recebendo voz de prisão. De acordo com ocorrência policial, às 22h45 de sábado, 15, o rapaz foi até a DP a fim de relatar que uma viatura da BM havia estado em sua casa horas antes, mas ele não estava. Com isso, decidiu ir até a Delegacia para saber por que estavam lhe procurando. Conforme o BO, o nome do jovem constava no Sistema Informatizado da Polícia, onde havia um mandado de prisão contra ele. Diante do registro, foi dada voz de prisão pelo policial de plantão.

Preso o último envolvido em homicídio de adolescente

No dia 13 de abril, policiais da DP de Guaíba recapturaram um homem foragido há oito meses. Segundo a Delegada Sabrina, o suspeito era o único envolvido no homicídio de um adolescente de 16 anos, ocorrido em julho do ano passado, que ainda restava em liberdade, sendo que os outros suspeitos já haviam sido presos em 2016.

Segue a investigação para identificar o assassino do jovem Jeferson de Abreu

Na madrugada do dia 8 de abril, Jeferson Lima de Abreu, 17 anos, saiu de uma festa na Rua Adão Foques, Zona Sul de Guaíba, por volta das 5 horas da manhã, quando foi alvejado por seis tiros e morreu na hora. Ele era um jovem do bem, muito estimado por todos; sua morte causou tristeza e indignação na comunidade da Vila São Jorge, onde residia.

No mesmo dia, um jovem de 18 anos foi acolhido em uma residência no Bairro Vila Jardim ferido a tiros nas pernas. O SAMU socorreu o rapaz que sobreviveu. A Polícia acredita que o ferido foi vítima do mesmo ataque que matou Jeferson.

Essa semana, a Gazeta Centro-Sul questionou a Delegada Sabrina sobre a investigação que apura a autoria do crime. Ela disse que a Polícia trata do caso como prioridade e que está trabalhando para identificar o autor do homicídio. A delegada não deu detalhes do trabalho que vem desenvolvendo para não atrapalhar as investigações.

Mulher encontrada morta no Parque 35

No domingo, 16, por volta das 17h50, Lorete Silva da Silva, de 41 anos, foi encontrada morta com vários tiros, sobre sua cama, em casa, na Rua Paraná, Bairro Parque 35, em Guaíba. A Polícia aguarda laudo da Perícia, mas acredita que a vítima tenha sido morta um dia antes de seu corpo ter sido encontrado.

A delegada Sabrina Dóris Teixeira, titular da DP de Guaíba, disse que, a princípio, o crime pode ter motivação devido ao tráfico de drogas, considerando os antecedentes policiais da vítima. A Polícia Civil de Guaíba aguarda depoimento do familiar que encontrou o corpo para dar segmento às investigações.

Apreensão de Armas em Camaquã

Na tarde de terça-feira, 18, policiais civis da DPPA de Camaquã, com apoio da DP local, apreenderam duas armas de fogo, revólveres 38 e 32, municiados, e uma arma de pressão, além de 18 munições. A ação ocorreu no Bairro Viegas e foi coordenada pela delegada Vivian Duarte.

Veículo Recuperado em Camaquã

Policiais da DP de Camaquã recuperaram, na tarde de segunda-feira, 17, um veículo Voyage clonado e roubado em Porto Alegre. O roubo teria ocorrido no dia 10 de abril, no Bairro Floresta na Capital. Os policiais localizaram o veículo em um mato próximo a barragem do Arroio Duro em Camaquã.

Prisões durante Patrulhamento

Em nota, a Brigada Militar de Guaíba informou que, na tarde de quarta-feira, 19, durante patrulhamento de rotina, o Pelotão de Operações Especiais (POE) efetuou a prisão de um foragido da Justiça no Bairro IPE. Simultaneamente, a equipe de Inteligência do CS, após denúncia, efetuou a prisão de um indivíduo que estava traficando no “complexo do Baiano”, Bairro Santa Rita. Com o suspeito, os agentes encontraram uma quantia significativa de crack.

Publicado em 22/4/2017.


Últimas Notícias

Ladrão mata o comparsa e se entrega na DP de Guaíba.

Camaquã comemora os 153 anos de emancipação com intensa programação cultural.

Guaíba está revisando o seu Plano Diretor. Leia na versão impressa deste fim de semana.

Publicidade

Institucional | Links | Assine | Anuncie | Fale Conosco

Copyright © 2017 Gazeta Centro-Sul - Todos os direitos reservados