Gazeta Centro-Sul

Contato: (51) 3055.1764 e (51) 3055.1321  |  Redes Sociais:

Tera-feira, 11 de dezembro de 2018

03/12/2018 - 14h56min

Ação da Polícia contra jogos de azar e lavagem de dinheiro em Guaíba

Compartilhar no Facebook

Uma grande operação da Polícia Civil, denominada Tio Patinhas, foi deflagrada em Guaíba, na manhã de quarta-feira, 28, em combate a jogos de azar e lavagem de dinheiro.

A Operação foi efetuada por agentes da Delegacia de Polícia (DP) local, coordenados pelo delegado Thiago Carrijo Fraga, com apoio da 2ª DPRM e do Laboratório de Lavagem de Dinheiro da Polícia Civil Gaúcha, envolveu 68 policiais civis.

Foram cumpridas 28 ordens judiciais em Guaíba, nos bairros Engenho, Parque 35, Alegria, Centro, Colina, Ramada e Vila Iolanda, além da localização e do sequestro de bens móveis e imóveis que totalizam mais de meio milhão de reais. Um dos pontos alvos da ação foi o Strike Boliche, conhecido estabelecimento de entretenimento localizado no Bairro Engenho.

Segundo a Polícia, a investigação iniciou em junho de 2017, motivada pelo fato de, mesmo após o fechamento de casas onde eram realizados jogos ilegais no Município, estas voltaram a funcionar rapidamente.

Após investigação mais aprofundada, constatou-se que havia crimes mais graves envolvidos, como a formação de organização criminosa e lavagem de dinheiro, fazendo uso de empresas existentes na Cidade.

A Justiça autorizou a interceptação telefônica de dez suspeitos e posteriormente ordenou a quebra do sigilo bancário e fiscal de 26 investigados, entre pessoas físicas e jurídicas. Os nomes não foram divulgados.

Foram bloqueadas as contas bancárias de 13 investigados, apreendidos 12 veículos, sendo dez carros e dois caminhões. Também foram sequestradas duas propriedades adquiridas com recursos provenientes da lavagem de dinheiro.

Passagem Secreta

Durante as buscas, policiais encontraram um armário com fundo falso (foto) que conduzia a uma suíte e uma câmera de vigilância escondida em um capacho. Foi descoberta a oficina em que eram fabricadas as máquinas caça-níqueis e apreendidas as placas-mães, 48 ceduleiras, três armas de fogo e um simulacro.

Além do valor bloqueado judicialmente, foram apreendidos mais de R$ 18.000,00 em dinheiro, entre notas e moedas. Dois indivíduos foram presos em flagrante por posse ilegal de arma de fogo.

Segundo o delegado, essa foi a primeira operação de lavagem de dinheiro realizada no Município e não será a última, considerando que o crime de jogos de azar tem menor potencial ofensivo, mas normalmente precede crimes mais graves. Disse, ainda, que serão desencadeadas novas operações no combate a outros tipos de crimes preexistentes.


Armado com um 38 no bar

Uma guarnição do POE recebeu informação, na noite de quinta-feira, 29, de que havia um indivíduo armado de revólver em um bar na Vila Primavera e foi verificar. De acordo com a BM, próximo ao estabelecimento, em via pública, os PMs avistaram o indivíduo com volume na cintura. Foi dada voz de abordagem, mas o suspeito resistiu sendo necessário o uso moderado da força para imobilizá-lo. Na revista pessoal, foi localizado em sua cintura um revólver calibre 38, com numeração suprimida, cinco munições e mais 10 munições na mochila que estava carregando. Diante do fato, o indivíduo recebeu voz de prisão e foi encaminhado ao PA para exames e posteriormente à DPPA Canoas, onde foi lavrado o flagrante por porte ilegal de arma de fogo. Mais um revólver foi retirado das ruas de Guaíba.


Cai o número de homicídios em Guaíba

Apesar do elevado número de homicídios registrados no País, principalmente nas regiões metropolitanas, essa semana foi divulgada uma notícia positiva para Guaíba. De acordo com a comandante do CRPO Centro-Sul, coronel Bianca Burger, de outubro de 2017 a outubro deste ano, o número de homicídios caiu em 41,46% no Município. O resultado é significativo e muito desta redução se deve à atuação da Brigada Militar.


Quadrilha é presa no Siena vermelho

Uma guarnição da Patamo fazia patrulhamento no Bairro São Jorge, na noite de quinta-feira, 29, quando observou um Siena Vermelho em alta velocidade, com três indivíduos dentro, seguindo em direção à saída do Bairro. Os PMs tentaram abordar os suspeitos, mas eles fugiram, iniciando perseguição por algumas quadras. Durante a fuga, armas começaram a ser dispensadas por uma das janelas do Siena. Na Rua Adão Foques, os elementos foram finalmente abordados e, após buscas, os PMs encontraram as armas: um revólver 38 e uma pistola 32.

De acordo com a BM, os indivíduos disseram para a guarnição que iriam acertar contas com rivais no Bairro São Jorge. Os três elementos foram presos.


Armados e traficando drogas

Na noite de terça-feira, 27 de novembro, guarnições do POE, do 31º BPM, foram até a localidade do Logradouro, Interior de Guaíba, para averiguar denúncia de indivíduos portando arma de fogo e comercializando drogas. Ao chegarem no local, um suspeito foi abordado, portando um revólver Taurus, calibre .32, com numeração suprimida e cinco munições intactas. Também foram encontradas com ele cinco buchas de maconha.

Segundo a BM, o suspeito assumiu que vendia a droga para um indivíduo de alcunha “Ranho”, que reside na Vila Nova. As guarnições se deslocaram até o referido endereço, onde “Ranho”, com diversas passagens policiais, portava um revólver Rossi calibre .38, numeração suprimida, municiado com seis munições intactas. Também foram encontradas 57 pedras de substância semelhante ao crack e dois celulares. Os envolvidos foram presos e encaminhados para a DPPA de Canoas.


Integrava a “Gangue das Gordas”

Na quarta-feira, 28, policiais da DP de Guaíba prenderam uma mulher de 39 anos com diversas passagens policiais, em sua grande maioria, pelo crime de estelionato. Ela foi reconhecida pelos policiais em um estabelecimento de Guaíba e recebeu voz de prisão.

Segundo a Polícia, a mulher era integrante da chamada “Gangue das Gordas” e possuía seis mandados de prisão em seu desfavor, sendo um no Estado de Santa Catarina e os demais no RS. Após os procedimentos de praxe, a mulher foi encaminhada ao sistema prisional.




Ameaçava a companheira e foi preso

Policiais de Guaíba prenderam, na quarta-feira, 28, um homem de 52 anos acusado de violência doméstica contra a sua atual companheira (ameaça).

De acordo com a Polícia, o acusado descumpriu medidas protetivas impostas pela Justiça e teve decretada a sua prisão preventiva, sendo encaminhado ao sistema prisional.


Foto: Divulgação/PC

Publicado em 1/12/2018.


Últimas Notícias

Entrevista exclusiva com o prefeito de Guaíba, José Sperotto, na edição impressa da Gazeta deste sábado, 8.

Chegada do Papai Noel neste domingo, 9, na Praça Gastão Leão, Centro de Guaíba, a partir das 20 horas.

Polícia Civil faz operação de combate aos jogos de azar e lavagem de dinheiro em Guaíba. Cobertura na versão impressa de sábado.

Publicidade

Institucional | Links | Assine | Anuncie | Fale Conosco

Copyright © 2018 Gazeta Centro-Sul - Todos os direitos reservados