Gazeta Centro-Sul

Contato: (51) 3055.1764 e (51) 3055.1321  |  Redes Sociais:

Quinta-feira, 12 de dezembro de 2019

11/11/2019 - 14h52min

Polícia

Forneciam cocaína em Camaquã

Compartilhar no Facebook

Na manhã de terça-feira, 5, uma grande operação policial foi desencadeada contra o tráfico de drogas em Camaquã e outros municípios do RS.

Em uma ação conjunta entre Polícia Federal e Polícia Civil, foi feita uma ofensiva contra facção que distribuía cocaína em Camaquã, entre outras cidades gaúchas.

A Justiça Federal autorizou o sequestro de imóveis, bloqueio de contas bancárias e apreensão de veículos. Conforme a PF, o cabeça da facção está preso em Uruguaiana.


Desde 2018, a Polícia Civil monitorava a organização criminosa e descobriu que o bando comprava cocaína no Paraguai para ser distribuída em Camaquã, Uruguaiana, Alegrete, Rosário do Sul e São Gabriel.

A Polícia Federal assumiu o caso em abril deste ano, considerando tratar-se de tráfico internacional de drogas. Duas pessoas foram presas em flagrante.


Adolescente ameaçava e praticava agressões

Um adolescente de 15 anos de idade foi apreendido em Guaíba no dia 1º de novembro. Segundo a delegada Karoline Calegari, o adolescente praticava ameaças reiteradamente, além de vias de fato e agressões físicas contra outros jovens, tendo sua internação sido decretada pelo Juizado da Infância e Juventude da Comarca de Guaíba.

Após investigação da Polícia Civil, o adolescente foi localizado e apreendido em Guaíba, sendo conduzido à FASE em Porto Alegre.



Casal suspeito de homicídio é preso em Guaíba

Agentes da Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DPHPP) de Viamão prenderam temporariamente, em Guaíba, um homem e uma mulher por envolvimento em homicídio. A prisão aconteceu na manhã de terça-feira, 5.

De acordo com a Polícia, o crime ocorreu no dia 16 de setembro, em Viamão. Segundo o delegado Guilherme Calderipe, a vítima foi encontrada em um beco próximo a um colégio com um disparo de arma de fogo na cabeça.

“Durante as investigações, um indivíduo chegou a se apresentar na Delegacia como autor do crime, mas logo foi verificado que ele havia sido ameaçado e agredido fisicamente por traficantes da Região para confessar a autoria. Conforme apurado, as pessoas que estavam com a vítima no momento do fato teriam fugido para outra cidade depois do episódio. Em interrogatório, alegaram que o tiro teria sido efetuado de forma acidental pela própria vítima”, afirmou o delegado.

Traficante que estava foragido é preso

A Polícia Civil de Guaíba prendeu, no dia 1º de novembro, um homem identificado pelas iniciais R.M. de 30 anos de idade. Segundo a Polícia, o indivíduo estava foragido e possuía sentença definitiva por crime de tráfico de drogas expedido pela Vara Criminal da Comarca de Guaíba.

Após diligências investigativas, o condenado foi preso em Guaíba.


Assalto, Perseguição e Prisões

Na manhã de terça-feira, 5, bandidos assaltaram uma lotérica em Arroio dos Ratos e fugiram em direção a Porto Alegre. No meio do caminho, abandonaram, em Eldorado do Sul, o veículo Voyage usado no assalto. A Brigada Militar fez buscas na Região. No fim da manhã, dois suspeitos foram presos próximo à Estação Experimental Agronômica da Ufrgs. Os outros dois integrantes da quadrilha, de 19 e 22 anos de idade, foram presos num matagal próximo da BR-290. Um foi preso na noite de terça-feira e o outra na manhã de quarta-feira, 6. De acordo com a BM, um dos presos estava com parte do dinheiro roubado.

O sucesso das prisões de todos os envolvidos no assalto se deve à união de forças com PMs de Arroio dos Ratos, Eldorado do Sul, Guaíba e Charqueadas. Uma arma foi encontrada no matagal onde os assaltantes foram capturados.




Feminicídio e Estupro, Crimes Imprescritíveis e Inafiançáveis

O Senado Federal aprovou, por unanimidade, a proposta de emenda à Constituição (PEC) que torna o crime de feminicídio imprescritível: poderá ser julgado a qualquer tempo, independentemente da data em que tenha sido cometido, e é inafiançável. Também foi acatada uma emenda, determinando que o estupro se encaixe na PEC, que seguiu para a Câmara dos Deputados.


Encapuzados trancam família no quarto

Dois bandidos encapuzados e armados de revólveres atacaram uma família no Interior de Camaquã. O crime aconteceu na noite de quarta-feira, 6.

Os assaltantes invadiram uma casa e durante 30 minutos mantiveram o dono da residência, a mulher e o filho presos em um quarto enquanto roubavam diversos objetos e equipamentos. Fugiram levando o Corolla da família e deixaram as vítimas presas no quarto, sendo que as mesmas foram liberadas quando um familiar chegou em casa.


Publicado em 9/11/2019.


Últimas Notícias

Na coluna deste sábado, 30, Leandro André fala sobre oposição importante e oposição tóxica.

Comunidade pede canil municipal em Guaíba.

MP cria a Rede Ambiental de Guaíba para tratar das questões do meio ambiente. Próximo encontro, dia 11/12, às 14h na sede do MP.

Publicidade

Institucional | Links | Assine | Anuncie | Fale Conosco

Copyright © 2019 Gazeta Centro-Sul - Todos os direitos reservados