Gazeta Centro-Sul

Contato: (51) 3055.1764 e (51) 3055.1321  |  Redes Sociais:

Sábado, 20 de dezembro de 2014

15/12/2014 - 10h20min

Polícia

“Operação Competição”

Compartilhar no Facebook

Onze pessoas são presas na “Operação Competição” em Guaíba.

Uma grande ação da Polícia Civil Gaúcha, realizada na tarde do domingo, 7, em evento que acontecia numa propriedade da Zona Rural do Município, teve o saldo de onze pessoas presas em flagrante.

A denominada “Operação Competição” foi organizada pela Delegacia de Repressão aos Crimes contra o Patrimônio das Concessionárias e os Serviços Delegados do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DRCP/DEIC). O principal objetivo foi repressão e prevenção aos crimes de furto de baterias e equipamentos de empresas de telefonia.

De acordo com a Polícia Civil, além das onze pessoas presas em flagrante, 14 baterias que teriam sido furtadas das estações de telefonia foram recuperadas. A investida se deu durante um festival de som automotivo.

O que diz a Polícia

Segundo a delegada Silvia Coccaro de Souza, que comandou a operação, as referidas baterias estacionárias são utilizadas pelas empresas quando há falta de energia, para manter as linhas de telefone e internet em funcionamento. “O furto desses equipamentos prejudica os usuários, inclusive hospitais e órgãos públicos, gerando um grande prejuízo à sociedade em geral”, afirmou a delegada.

Cerca de 80 policiais civis participaram da ação, abordando e vistoriando os veículos no local. Técnicos das empresas também participaram das diligências, a fim de identificarem os equipamentos furtados.

Segundo informações, as baterias têm valor comercial de aproximadamente R$ 1 mil . Contudo, são repassadas no mercado informal por valores que variam entre R$ 150,00 e R$ 300,00.

Os presos foram conduzidos até a Delegacia de Polícia de Guaíba, onde foram autuados em flagrante por receptação qualificada.

As investigações prosseguem, no sentido de identificar e prender os responsáveis pelos furtos.

Outras Notícias de Polícia

Crack na Barra

Durante patrulhamento de rotina, na quarta-feira, 10, no Centro de Barra do Ribeiro, PMs abordaram um homem em atitude suspeita. Dentro da bermuda do suspeito, foram apreendidas 14 pedras de crak e uma pequena quantia em dinheiro. O homem foi preso e encaminhado à DP para registro do fato.

Baleado nas pernas no Bairro Bom Fim

No final da tarde de terça-feira, 9, por volta das 18h30, um homem foi alvejado por dois tiros na perna, em seu comércio localizado na Rua João Salazar, Bairro Bom Fim. De acordo com relato passado à Polícia, dois homens em uma moto teriam perguntado seu nome e, em seguida, efetuado cinco disparos, atingido-o na perna por duas vezes.

A Polícia está investigando o caso, no entanto não revelou maiores detalhes para não atrapalhar as investigações.

Homem é executado a tiros no Ermo

Na noite de 4 de dezembro, um homem foi executado a tiros na Rua Breno Guimarães, Bairro Ermo. De acordo com relato de testemunhas, os atiradores se aproximaram da vítima, ainda não identificada, efetuando diversos disparos na sua cabeça.

O chefe do Setor de Investigações da Polícia Civil, Leonardo Gardel, salientou que se trata de uma execução, porém ainda não há identificação dos autores. Seguem as investigações.

Preso com Arma e Colete em Eldorado

A Brigada Militar recebeu denúncia anônima, alertando que, na noite do sábado, 6, por volta das 22h45, um homem estaria em via pública armado e com um colete à prova de balas, no Bairro Delta, em Eldorado do Sul.

Chegando no local, os PMs avistaram dois homens em atitude suspeita que fugiram ao enxergar a viatura, sendo detidos em seguida, depois de entrarem em residência nas proximidades. De acordo com a BM, foram apreendidas pedras de crack, um revólver calibre 38, munições, colete à prova de balas, e duas capas de coletes balísticos.

A dupla foi encaminhadas ao PA e posteriormente conduzida à DP. Um dos homens acabou preso em flagrante.

Incêndio Criminoso em Centro Comunitário

Na madrugada do domingo, 4, por volta de 0h45, a Brigada Militar foi acionada a comparecer no Centro Comunitário, no Centro de Eldorado do Sul, porque o prédio estava incendiando. Populares afirmaram que um suspeito teria ateado fogo criminosamente. Foram realizadas buscas, mas ninguém foi preso.

Segundo a BM, o fogo destruiu totalmente a cozinha, local em que estavam armazenados brinquedos, fraldas descartáveis, kits de higiene pessoal, um balcão de pia, duas mesas, canos de PVC para obra, sofá, cadeiras, televisão, quatro caixas de som. Com a chegada dos bombeiros, o fogo foi controlado. Seguem as investigações.

Publicado em 13/12/14.


Últimas Notícias

Moradores da parte alta do Bairro Colina, em Guaíba, continuam sofrendo com faltas de água.

Coleta atrasada transforma a Rua São José, Centro de Guaíba, em lixão a céu aberto. O problema é recorrente e se agrava com ventos fortes.

Duas mortes no trânsito no final de semana em Guaíba. Confira na versão impressa.

Publicidade

Institucional | Links | Assine | Anuncie | Fale Conosco

Copyright © 2014 Gazeta Centro-Sul - Todos os direitos reservados