Gazeta Centro-Sul

Contato: (51) 3055.1764 e (51) 3055.1321  |  Redes Sociais:

Segunda-feira, 22 de setembro de 2014

05/12/2011 - 13h56min

Como funciona a Educação Infantil em Guaíba

Compartilhar no Facebook

Secretária Municipal de Educação, Lúcia Polanczyk, fala sobre o número de atendimentos na Rede Municipal.

Polanczyk ressaltou as providências que estão sendo tomadas para atender a demanda e evitar o sorteio de vagas

Por Leandro André

Não tem sido fácil para os pais guaibenses conseguirem vagas para seus filhos nas creches e escolas infantis do Município. Como a demanda é maior do que a oferta, a Prefeitura realiza sorteios para atender as crianças. O déficit é estimado em cerca de 60%. A vereadora Paula Parolli solicitou a presença da secretária de Educação na Câmara, ainda neste mês, para passar informações a respeito do que está sendo feito pelo Executivo visando ampliar o número de vagas.

O Plano Nacional de Educação 2001/2010 estabeleceu metas aos municípios para o atendimento da Educação Infantil até 2014, abrangendo crianças de até cinco anos de idade.

Essa semana, a Gazeta Centro-Sul entrevistou a secretária Municipal de Educação, Lúcia Polanczyk, para conhecer a realidade da Educação Infantil em Guaíba e quais as ações que estão sendo providenciadas para atender a demanda.

A Secretária Lúcia informou que, de acordo com o último Censo Demográfico, Guaíba possui cerca de 4.300 crianças na faixa etária de zero a cinco anos. A legislação determina que os municípios devem atender a Educação Infantil, sendo que na faixa etária de zero a três anos é opção da família utilizar a creche, mas para as crianças de 4 e 5 anos o poder público, por meio das prefeituras, deve garantir o atendimento.

Os Números de Hoje

De acordo com dados apresentados pela Secretaria Municipal de Educação (SME), Guaíba possui sete estabelecimentos que oferecem atendimento exclusivo de Educação Infantil. Ao todo, neste ano, o Município oferece 1.216 vagas. As escolinhas são: Noeli Varella e Vovó Flor (antiga API), próximas da Escola Estadual Ismael Chaves Barcellos; Menino Jesus, no Bairro Bom Fim; Santa Isabel, na Vila São Francisco; Três Patinhos, na Vila São Jorge; Nossa Senhora de Fátima (antiga AMI), no Bairro Fátima; e Pedras Brancas, no Bairro de mesmo nome.

Dez escolas da Rede Municipal de Ensino Fundamental também oferecem Educação Infantil, atendendo 477 crianças.

Para 2012

Em novembro, a Prefeitura de Guaíba concluiu projetos para a construção de cinco escolas de Educação Infantil com recursos do Ministério da Educação (MEC), por meio do PAC, que deverão ser implantas até o final de 2012 nos seguintes locais: junto ao Instituto Estadual Moura e Cunha, no Bairro Colina; no Parque Noli; junto ao Colégio Estadual Cônego Scherer, no Parque 35; próximo ao CTG Caudilho Guaibense, na Cohab; e anexo à Escola Municipal Zilá Paiva Rodrigues Jardim, no Bairro Jardim dos Lagos. Cada unidade custará cerca de R$ 1,9 milhão, sendo que o MEC entrará com R$ 1,4 milhão, e o Município, com R$ 500 mil. Com a construção dos estabelecimentos, a previsão é de que sejam abertas mais 1.200 vagas. “Considero a conclusão destes projetos o grande passo da nossa Secretaria”, avaliou Lúcia.

Com a ampliação das escolas existentes, cujas obras já foram licitadas, serão abertas mais 616 vagas no decorrer do ano que vem, chegando a 1.832 atendimentos. Somando as novas unidades a serem construídas com recursos do MEC, até o final de 2012, a estimativa da Secretaria de Educação de Guaíba é de que o Município possa oferecer mais de três mil vagas.

Nas escolas Três Patinhos (São Jorge); Santa Isabel (S. Francisco); e Menino Jesus (Bom Fim), a Prefeitura espera atender 100% da demanda no próximo ano.

“Estamos construindo salas para que todas as escolas da rede que oferecem Ensino Fundamental também ofereçam atendimento de Educação Infantil”, ressaltou a Secretária Lúcia, que prometeu o cumprimento da meta do Plano Nacional de Educação dentro do prazo previsto: atender a totalidade da demanda da Educação Infantil até 2014.

Conforme dados da SME, em 2008, a Prefeitura atendia 583 crianças na Educação Infantil. Neste ano, chegou a 1.216, com a ampliação dos estabelecimentos e realização de concurso público para a contratação de servidores e professores. A Secretária Lúcia anuncia a realização de novo concurso público em 2012 para a contratação de pessoal a fim de atender as vagas que serão ofertadas.

Fotos: LA/GCS

Publicado em 3/12/11.

Nossa Senhora de Fátima é uma das escolas de Educação Infantil mais procuradas da Cidade


Últimas Notícias

Ônibus extras em Guaíba p/ todos os bairros até as 3h da madrugada, a partir desta quinta-feira até sábado, 20. Saídas em frente ao Coelhão.

Prefeitura anuncia condomínio entre os bairros São Francisco e Noli.

AGF empatou em 4 a 4 com o Lagoa Futsal fora de casa. Agora, caso vença a ASIF, no sábado, 20, no Coelhão, assumirá a liderança da chave.

Publicidade

Institucional | Links | Assine | Anuncie | Fale Conosco

Copyright © 2014 Gazeta Centro-Sul - Todos os direitos reservados