Gazeta Centro-Sul

Contato: (51) 3055.1764 e (51) 3055.1321  |  Redes Sociais:

Terça-feira, 02 de junho de 2020

29/11/2019 - 14h38min

APAE de Guaíba é referência no Rio Grande do Sul

Compartilhar no Facebook

Estudantes embarcam no ônibus escolar após o turno da manhã

Fundada em 1973, a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Guaíba é reconhecida pela Federação das APAEs do RS como uma das duas instituições de referência no Estado, considerando a sua gestão e os serviços prestados à sociedade.

Estrutura e Serviços

A sede está localizada na Rua Flores da Cunha, 246, Bairro Florida, em um terreno de 2.700 m², com uma área construída de 775,5 m². A estrutura conta com salas para Secretaria; Direção; oficinas; atendimentos de Fisioterapia, Psicologia, Psicopedagogia; Consultório Odontológico; espaços para atendimento médico, Estimulação Precoce, Fonoaudiologia, Terapia Ocupacional; Serviço Social; Terapia Virtual; Brinquedoteca/Inclusão Digital; salas de aula convencionais e adaptadas; Refeitório; Cozinha, Despensa de Alimentos; Almoxarifado; Pavilhão; banheiros; áreas de serviço e recreação; e guarita para vigilante.

Na manhã de terça-feira, 19, a Gazeta Centro-Sul esteve na sede da APAE de Guaíba. A diretora Maria Cristina Oliveira e o atual tesoureiro e vice-presidente eleito Pedro Barth apresentaram as instalações da Instituição, que atende 140 alunos, e falaram sobre o trabalho desenvolvido. Eles contaram que, há nove anos, quando um grupo de voluntários decidiu assumir a APAE local, iniciou-se um processo de reforma geral, com a construção de várias salas, cercamento do terreno e pagamento de dívidas trabalhistas que somavam cerca de R$ 130 mil, o que foi totalmente pago.

Vários convênios têm sido firmados, contribuindo com o bom atendimento. No entanto, um dos maiores problemas a serem solucionados é garantir recursos na ordem de R$ 31 mil mensais para o pagamento da folha salarial. Para isso, uma das alternativas que está sendo estudada é obter o apoio de empresas que possam contribuir abatendo os valores doados no Imposto de Renda.

Entre os projetos executados, destaque para os de Inclusão Digital; Costurando Vida (Mãos Amigas); Terapia Virtual (crianças com autismo); e de “Reabilitação da Capacidade Funcional e do Desempenho Humano”.

Programas de Apoio

A boa gestão da APAE de Guaíba resultou na adesão ao Programa Nacional de Apoio à Atenção da Saúde da Pessoa com Deficiência (Pronas/PCD), garantindo recursos de R$ 291 mil, que deverão ser repassados até o início de 2020, cujo dinheiro será usado na ampliação dos atendimentos clínicos, através da contratação de fisioterapeuta, fonoaudióloga, psicóloga e neurologista. Estes serviços estão sendo realizados de forma parcial, à espera dos repasses para as devidas contratações dos profissionais.

A entidade segue aguardando a liberação, também, de um recurso federal (Ministério do Esporte), no valor de R$ 259 mil, que serão destinados à construção de uma quadra coberta para atividades esportivas, recreativas e culturais.

Entre as ações desenvolvidas na APAE, destacam-se ainda os grupos de convivência, oficina de artesanato; e os atendimentos especializados com acompanhamento às famílias. Na Escola: Educação Infantil e Ensino Fundamental; Anos Iniciais, Estimulação Precoce e Psicopedagogia.

Conquistas

A partir de 2011, quando o atual grupo de gestores assumiu a Instituição, além de garantirem a continuidade do atendimento em Guaíba, que estava prestes a ser encerrado, foram diversas conquistas, como regularização de dívidas; reformas e ampliação do prédio; legalização da Escola Igualdade e Fraternidade em 2013, tendo a APAE como mantenedora da mesma. Desde então, a Associação vem, a cada ano, ampliando sua estrutura física e profissional, assim como os atendimentos ofertados.

Equipe Comprometida

Maria Cristina e Pedro Barth destacaram a união da equipe que trabalha na Escola, ressaltando o empenho de todos e o carinho dedicado aos alunos e suas famílias.

A APAE de Guaíba possui uma equipe de 13 profissionais contratados pela CLT; seis professores cedidos pelo Município; e três estagiários. Trabalham como voluntários: três dentistas, duas professoras de dança e uma oficineira. O transporte escolar é terceirizado.

Empresas parceiras: Star Service (um auxiliar de serviços gerais); Rio do Sul (dois Jovem Aprendiz); e a Sulina (três funcionários PCD).

A entidade recebe como receita fixa mensal R$ 32,7 mil: recursos do Fundeb (federal); doações de pessoas físicas e jurídicas, além de receitas variáveis, como doações diversas; Programa Nota Fiscal Gaúcha (entre R$ 3,5 mil e R$ 5 mil); venda de mel; promoções; eventos; e rifas.

A despesa fixa é de R$ 33,4 mil. Despesas variáveis: manutenção do prédio e de equipamentos, combustível, material de expediente; tarifas e seguro, entre outras.

A APAE se constitui como sendo a única instituição especializada, em Guaíba, para atender pessoas com deficiência intelectual e múltipla, o que torna indispensável a continuidade do trabalho.

Membros da Diretoria (Gestão 2017 – 2019)

Presidente: Edyo Campos Severo Filho; vice-presidente: Clóvis Porto; 1º tesoureiro: Renan Silva Nunes; 2º tesoureiro: Pedro Paulo Oliveira Barth; 1º secretário: Edney da Rosa; 2º secretário: Michael Frota. Diretor de Patrimônio: João Batista Lara; diretor social: Dilnei Moreira; diretor jurídico: Odilon Nunes da Silva Junior.

Nova Diretoria (Gestão 2020 – 2022)

Presidente: Rogênio Cavalar de Souza Filho; vice-presidente: Pedro Paulo de Oliveira Barth; 1º diretor financeiro: Dirceu Lopes Bittencurt; 2º diretor financeiro: Renan Silva Nunes; 1º diretor secretário: Rodrigo Moschen; 2º diretor secretário: Edney Rodrigues da Rosa. Diretor de Patrimônio: Carlos Augusto de Oliveira; diretor social: Norberto Jacques Guimarães. Procurador Jurídico: Felipe Pereira Mallmann.

Fotos: LA/Gazeta

Publicado em 23/11/2019.


Últimas Notícias

Navio bate em pilar da Ponte do Guaíba. Içamentos estão suspensos, mas tráfego de veículos continua.

Unidades do Super Paulinho, interditadas na quarta, 20, pela Vigilância em Saúde, foram liberadas neste sábado, 23.

Registrada a primeira morte por Covid-19 de um morador de Guaíba na noite desta quinta-feira, 14.

Publicidade

Institucional | Links | Assine | Anuncie | Fale Conosco

Copyright © 2020 Gazeta Centro-Sul - Todos os direitos reservados