Gazeta Centro-Sul

Contato: (51) 3055.1764 e (51) 3055.1321  |  Redes Sociais:

Quinta-feira, 12 de dezembro de 2019

29/11/2019 - 14h38min

APAE de Guaíba é referência no Rio Grande do Sul

Compartilhar no Facebook

Estudantes embarcam no ônibus escolar após o turno da manhã

Fundada em 1973, a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Guaíba é reconhecida pela Federação das APAEs do RS como uma das duas instituições de referência no Estado, considerando a sua gestão e os serviços prestados à sociedade.

Estrutura e Serviços

A sede está localizada na Rua Flores da Cunha, 246, Bairro Florida, em um terreno de 2.700 m², com uma área construída de 775,5 m². A estrutura conta com salas para Secretaria; Direção; oficinas; atendimentos de Fisioterapia, Psicologia, Psicopedagogia; Consultório Odontológico; espaços para atendimento médico, Estimulação Precoce, Fonoaudiologia, Terapia Ocupacional; Serviço Social; Terapia Virtual; Brinquedoteca/Inclusão Digital; salas de aula convencionais e adaptadas; Refeitório; Cozinha, Despensa de Alimentos; Almoxarifado; Pavilhão; banheiros; áreas de serviço e recreação; e guarita para vigilante.

Na manhã de terça-feira, 19, a Gazeta Centro-Sul esteve na sede da APAE de Guaíba. A diretora Maria Cristina Oliveira e o atual tesoureiro e vice-presidente eleito Pedro Barth apresentaram as instalações da Instituição, que atende 140 alunos, e falaram sobre o trabalho desenvolvido. Eles contaram que, há nove anos, quando um grupo de voluntários decidiu assumir a APAE local, iniciou-se um processo de reforma geral, com a construção de várias salas, cercamento do terreno e pagamento de dívidas trabalhistas que somavam cerca de R$ 130 mil, o que foi totalmente pago.

Vários convênios têm sido firmados, contribuindo com o bom atendimento. No entanto, um dos maiores problemas a serem solucionados é garantir recursos na ordem de R$ 31 mil mensais para o pagamento da folha salarial. Para isso, uma das alternativas que está sendo estudada é obter o apoio de empresas que possam contribuir abatendo os valores doados no Imposto de Renda.

Entre os projetos executados, destaque para os de Inclusão Digital; Costurando Vida (Mãos Amigas); Terapia Virtual (crianças com autismo); e de “Reabilitação da Capacidade Funcional e do Desempenho Humano”.

Programas de Apoio

A boa gestão da APAE de Guaíba resultou na adesão ao Programa Nacional de Apoio à Atenção da Saúde da Pessoa com Deficiência (Pronas/PCD), garantindo recursos de R$ 291 mil, que deverão ser repassados até o início de 2020, cujo dinheiro será usado na ampliação dos atendimentos clínicos, através da contratação de fisioterapeuta, fonoaudióloga, psicóloga e neurologista. Estes serviços estão sendo realizados de forma parcial, à espera dos repasses para as devidas contratações dos profissionais.

A entidade segue aguardando a liberação, também, de um recurso federal (Ministério do Esporte), no valor de R$ 259 mil, que serão destinados à construção de uma quadra coberta para atividades esportivas, recreativas e culturais.

Entre as ações desenvolvidas na APAE, destacam-se ainda os grupos de convivência, oficina de artesanato; e os atendimentos especializados com acompanhamento às famílias. Na Escola: Educação Infantil e Ensino Fundamental; Anos Iniciais, Estimulação Precoce e Psicopedagogia.

Conquistas

A partir de 2011, quando o atual grupo de gestores assumiu a Instituição, além de garantirem a continuidade do atendimento em Guaíba, que estava prestes a ser encerrado, foram diversas conquistas, como regularização de dívidas; reformas e ampliação do prédio; legalização da Escola Igualdade e Fraternidade em 2013, tendo a APAE como mantenedora da mesma. Desde então, a Associação vem, a cada ano, ampliando sua estrutura física e profissional, assim como os atendimentos ofertados.

Equipe Comprometida

Maria Cristina e Pedro Barth destacaram a união da equipe que trabalha na Escola, ressaltando o empenho de todos e o carinho dedicado aos alunos e suas famílias.

A APAE de Guaíba possui uma equipe de 13 profissionais contratados pela CLT; seis professores cedidos pelo Município; e três estagiários. Trabalham como voluntários: três dentistas, duas professoras de dança e uma oficineira. O transporte escolar é terceirizado.

Empresas parceiras: Star Service (um auxiliar de serviços gerais); Rio do Sul (dois Jovem Aprendiz); e a Sulina (três funcionários PCD).

A entidade recebe como receita fixa mensal R$ 32,7 mil: recursos do Fundeb (federal); doações de pessoas físicas e jurídicas, além de receitas variáveis, como doações diversas; Programa Nota Fiscal Gaúcha (entre R$ 3,5 mil e R$ 5 mil); venda de mel; promoções; eventos; e rifas.

A despesa fixa é de R$ 33,4 mil. Despesas variáveis: manutenção do prédio e de equipamentos, combustível, material de expediente; tarifas e seguro, entre outras.

A APAE se constitui como sendo a única instituição especializada, em Guaíba, para atender pessoas com deficiência intelectual e múltipla, o que torna indispensável a continuidade do trabalho.

Membros da Diretoria (Gestão 2017 – 2019)

Presidente: Edyo Campos Severo Filho; vice-presidente: Clóvis Porto; 1º tesoureiro: Renan Silva Nunes; 2º tesoureiro: Pedro Paulo Oliveira Barth; 1º secretário: Edney da Rosa; 2º secretário: Michael Frota. Diretor de Patrimônio: João Batista Lara; diretor social: Dilnei Moreira; diretor jurídico: Odilon Nunes da Silva Junior.

Nova Diretoria (Gestão 2020 – 2022)

Presidente: Rogênio Cavalar de Souza Filho; vice-presidente: Pedro Paulo de Oliveira Barth; 1º diretor financeiro: Dirceu Lopes Bittencurt; 2º diretor financeiro: Renan Silva Nunes; 1º diretor secretário: Rodrigo Moschen; 2º diretor secretário: Edney Rodrigues da Rosa. Diretor de Patrimônio: Carlos Augusto de Oliveira; diretor social: Norberto Jacques Guimarães. Procurador Jurídico: Felipe Pereira Mallmann.

Fotos: LA/Gazeta

Publicado em 23/11/2019.


Últimas Notícias

Na coluna deste sábado, 30, Leandro André fala sobre oposição importante e oposição tóxica.

Comunidade pede canil municipal em Guaíba.

MP cria a Rede Ambiental de Guaíba para tratar das questões do meio ambiente. Próximo encontro, dia 11/12, às 14h na sede do MP.

Publicidade

Institucional | Links | Assine | Anuncie | Fale Conosco

Copyright © 2019 Gazeta Centro-Sul - Todos os direitos reservados