Gazeta Centro-Sul

Contato: (51) 3055.1764 e (51) 3055.1321  |  Redes Sociais:

Segunda-feira, 20 de maio de 2019

13/05/2019 - 13h59min

Pacote com R$ 10 mil levou à descoberta de espingardas, munições, maconha, coca e crack

Compartilhar no Facebook

Tudo começou com a entrega de um pacote por indivíduo em atitude suspeita. A Brigada Militar foi avisada, agiu rápido e acabou dando um golpe duro no tráfico de drogas em Guaíba.

De acordo com a BM, na noite de quarta-feira, 8, por volta das 22 horas, uma guarnição do POE recebeu denúncia de que na Avenida Nestor de Moura Jardim, Loteamento Fátima, em Guaíba, um indivíduo em atitude suspeita havia entregue um pacote ao motorista de um veículo prata e, na sequência, o motorista havia entregue outro pacote ao suspeito. A guarnição se deslocou para averiguar e visualizou o indivíduo com uma sacola. Foi feita a abordagem e, em busca pessoal, encontrado um aparelho celular na sacola e R$10.000,00 em espécie, além de pedras de crack, pesando aproximadamente 78 gramas e 43 gramas, mais dois pacotes pequenos pesando 3 e 2 gramas de crack.

Segundo a Brigada Militar, foi dada voz de prisão ao suspeito, de 27 anos, com registro policial por desobediência. A BM registrou que o indivíduo não aceitou ser algemado, resistindo à prisão, desferindo um soco no rosto de um soldado, sendo necessário o uso da força para contê-lo.

Indagado pelos PMs, o acusado relatou ter recebido a sacola de um indivíduo ligado a uma facção, sendo que o dinheiro apreendido seria do comércio de um fuzil do suspeito, morador do Bairro Alvorada. A informação indicava que havia mais armas enterradas na referida residência.

Diante da revelação, a guarnição se deslocou em diligência até o endereço citado, onde foram encontradas três espingardas calibre 12 (foto), sendo uma de marca CBC, de numeração 846989 MOD151; uma da marca Escort, com numeração suprimida; e uma de marca Akkar, com numeração suprimida. E, ainda, 49 munições de calibre 12, um tijolo médio de maconha, pesando aproximadamente 235 gramas; um pacote de cocaína, pesando aproximadamente 95 gramas; uma sacola verde contendo uma munição de calibre .556 intacta; uma munição de calibre .45 intacta; 12 munições de calibre .9mm; duas munições de calibre .380; dois carregadores de rádio comunicador; um pacote de pinos vazios; duas balanças de precisão; e um carregador com capacidade para 30 munições de calibre .9mm.

O acusado foi conduzido ao PA para exame e depois para a DP.

Guerra do tráfico mata jovens e assusta população na Zona Sul

A execução de Alain Nunes Soares, de 18 anos, com vários tiros, na Vila Ronca Tripa, dia 29 de abril, teria desencadeado uma guerra entre gangues rivais, envolvendo o tráfico de drogas na Zona Sul de Guaíba.

Na noite de sexta-feira, 3, o terror tomou conta dos moradores da Vila São Jorge. Dezenas de tiros foram disparados, resultando na morte de Yuri Gabriel de Quadros, 18 anos, na Rua Dez. O tiroteio começou por volta das 20 horas e assustou, também, professores e alunos das escolas localizadas na São Jorge.

Yuri estava na frente de casa com uma adolescente quando um carro se aproximou e os ocupantes desceram, efetuando diversos disparos no rapaz, que não teve tempo de reagir, morrendo no local. A menina foi levada para o PA. A Polícia encontrou vários cartuchos de 9 e 12 milímetros nas proximidades do corpo.

A morte do dia 3 teria sido em decorrência de uma suposta vingança pela execução de Alain na Ronca Tripa, o que não foi confirmado oficialmente.

Durante a semana, correram boatos por meio de redes sociais, alertando para a possiblidade de novos ataques na Vila São Jorge.

Três homens e duas mulheres foram presos no Balneário Florida

A Polícia Civil, por intermédio da DRV/DEIC, deflagrou uma ação no Bairro Florida, em Guaíba, no domingo, 5. Na ação, um veículo em ocorrência de roubo foi recuperado, armas, munição, celulares e drogas foram apreendidos. Três homens e duas mulheres foram presos em flagrante.

Segundo os delegados Marco Guns e Rafael Liedtke, a ação é decorrente do permanente monitoramento realizado pelos policiais civis da DRV em Porto Alegre e Região Metropolitana, em relação à atuação das quadrilhas especializadas nesse tipo de delito.

“Durante a diligência, os policiais localizaram e apreenderam com os presos, além do veículo roubado, uma pistola calibre .40, pertencente à Brigada Militar; uma pistola calibre 9mm, com numeração suprimida; diversas munições intactas dos mesmos calibres; aparelhos de telefonia celular e maconha.

Pistolas e Muita Munição no IPE

Na segunda-feira, 6, às 18 horas, o POE do 31º BPM, após receber denúncias de que indivíduos estariam portando armas de fogo no Bairro IPE, em Guaíba, deslocou uma guarnição para averiguar, logrando êxito na prisão de dois indivíduos.

Com os suspeitos, os PMs apreenderam duas pistolas 9mm; 18 munições de calibre .12 ; 37 munições de calibre .40; três munições de calibre 38; 31 munições calibre .9mm; três carregadores calibre .9mm; um carregador calibre .9mm (capacidade 30 munições); além de quatro camisetas com a escrita “Polícia Civil” e uma máscara.

Foto: Divulgação/BM

Publicado em 11/5/2019.


Últimas Notícias

A Gazeta publica na edição deste sábado, 18 de maio (impresso), matéria completa sobre o aumento do IPTU em Guaíba.

Novo site da Gazeta Centro-Sul entrará no ar em junho, com o Blog do Leandro André.

Leandro André alerta para gastos com operação tapa-buracos em Guaíba. R$ 1,7 milhão em 2018 e ruas seguem esburacadas.

Publicidade

Institucional | Links | Assine | Anuncie | Fale Conosco

Copyright © 2019 Gazeta Centro-Sul - Todos os direitos reservados