Gazeta Centro-Sul

Contato: (51) 3055.1764 e (51) 3055.1321  |  Redes Sociais:

Sbado, 23 de junho de 2018

23/10/2017 - 10h13min

Maria Cristina Vieira Oliveira

Compartilhar no Facebook

A professora guaibense Maria Cristina Vieira Oliveira é diretora da APAE de Guaíba desde 2013. Pedagoga, formada pela PUC em 1984, já trabalhou como estimuladora coordenadora, com bebês de zero a três anos e onze meses, na Associação Amparo Materno Infantil (AAMI) durante oito anos. Mãe do Vitor, de 23 anos de idade, e do Rafael, 17, é pessoa positiva e dedicada ao próximo. Para Maria Cristina, é fundamental gostar do que se faz; ter prazer em trabalhar.

Como diretora da APAE, Maria Cristina participa de maneira efetiva da vida e do crescimento dos alunos e seus familiares, numa corrente do bem, juntamente com a direção e os colaboradores da Instituição. Por suas qualidades como pessoa e como profissional, por contribuir para tornar a sua cidade melhor, Maria Cristina Vieira Oliveira é Destaque Gazeta.

Guaíba é... uma cidade maravilhosa.

Gosto muito de... passear e ficar com a família.

Não gosto de... mentiras e pessoas acomodadas.

Numa equipe de trabalho tem que ter... união.

Prato Favorito: todos os que têm massa.

Time do Coração: Inter.

Recado aos Políticos. Ter mais atenção com o povo e com as instituições, lembrando que quatro anos passam rápido.

O que falta para Guaíba ser 10? Melhorar o atendimento de Saúde.

Recado Final. Escute tudo, mas capte somente as coisas boas.

FOTO: LA/GAZETA

Publicado em 21/10/2017.


Últimas Notícias

Depois de pressão, vereadores de Guaíba pedem abertura de CPI para apurar afastamentos, também, na Prefeitura.

Rompimento de adutora deixa 13 bairros de Guaíba sem abastecimento de água. Sistema deve normalizar na madrugada desta sexta, 15.

Bate-papo com o autor na Livraria Entrelinhas, Centro de Guaíba, neste sábado, dia 16, às 16h, com Leandro André.

Publicidade

Institucional | Links | Assine | Anuncie | Fale Conosco

Copyright © 2018 Gazeta Centro-Sul - Todos os direitos reservados