Gazeta Centro-Sul

Contato: (51) 3055.1764 e (51) 3055.1321  |  Redes Sociais:

Quinta-feira, 12 de dezembro de 2019

12/11/2019 - 11h40min

Leandro André

Compartilhar no Facebook

enviar email

Adeus a Minha Irmã

Na noite de quinta-feira, minha irmã Susana André Motta morreu aos 61 anos de idade. Ela lutava havia um ano contra um câncer no pâncreas. A Susana, que era jornalista graduada pela Unisinos, foi editora chefe da Gazeta Centro-Sul no início do Jornal, nos anos de 1990, e nunca deixou de colaborar, sempre presente também nas nossas confraternizações.

É duro se despedir de uma irmã querida, companheira de jogos do Inter no Beira-Rio, Clube que ela amava desde guria, quando íamos com nossos avós maternos até o Estádio em obras levar cimento e tijolos para colaborar com a construção do Gigante.

Eu estava presente na sua partida na noite de quinta-feira, 7, no Hospital Mãe de Deus, em Porto Alegre. Estávamos lá na sua volta, a família e alguns amigos próximos. Ela partiu envolta numa aura de amor.

Minha irmã gostava de festa, de viajar, de alegria. Era uma mulher de opinião forte, mas nunca deixou de ser feminina. Teimosa e carinhosa do seu jeito; brigona e reconciliadora; gostava de mim, se preocupava comigo como uma autêntica irmã mais velha. Na primeira foto juntos, ela tinha dois anos e eu era um bebezão no seu colo. De lá pra cá, foram muitas histórias bacanas, muitas fotos. Natais e aniversários, encontros familiares, festas na Libanesa, jogos no Beira-Rio, conversas na casa da praia que ela tanto amava.

Decidi falar publicamente sobre a minha irmã e de sua partida dolorosa com o objetivo de promover uma reflexão a respeito da importância de darmos valor aos momentos em família, os mais intensos e verdadeiros que temos na vida. E, também, para refletirmos sobre o quanto é inútil brigarmos por coisas pequenas, sem importância, que roubam muito do nosso tempo por nada; prova disso, quando nos encontramos no final desta viagem tão rápida sequer lembramos das ninharias.

Na imagem que guardo, minha irmã sorri, bebe espumante, dança, abre a casa da praia, me espera na portaria do prédio para ir de carona ao jogo, critica o Renato Portalupi, elogia o D’Alessandro, conta histórias dramáticas com ironia, faz as malas e vai longe, se preocupa com a família, faz ginástica, se arruma, cuida dos cabelos, me abraça e manda mensagens.

Desta vez, ela viajou pra sempre, rompendo um elo forte, dando passagem a um caminho de saudade, que passo a percorrer levando uma mochila cheia de boas lembras e de histórias pra contar.

Campinhos de Futebol

Em março deste ano, a Gazeta Centro-Sul publicou uma reportagem especial sobre os campos de futebol que estão desaparecendo das cidades. O Jornal cobrou ação dos gestores públicos para que cuidem dos campos de futebol que ainda restam nos bairros, os cenários das disputadas e emocionantes peladas.

Essa semana, uma notícia boa aqui na Gazeta sobre este tema. De acordo com o que está sendo tratado entre a Prefeitura de Guaíba e o Inter (ver matéria), uma das contrapartidas da doação de uma área do Município para o CT do Inter a ser construído em Guaíba é o investimento em infraestrutura nos campinhos de futebol da Cidade. Forte, essa!

Bode na Sala do Palácio

O governador Eduardo Leite botou o bode na sala, essa semana, para tentar robustecer o apoio dos aliados ao projeto de mudanças estruturais que pretende aprovar na Assembleia Legislativa.

De uma hora para outra, o Governo divulgou um decreto cruel que não permitia o parcelamento do IPVA, mas, no dia seguinte, atendeu o pedido de deputados aliados para desistir da maldade e recuou rapidinho, em menos de 24 horas depois do anúncio. A justificativa do governador para o que aconteceu foi patética: disse que não se deu conta do erro político. Distraído!

Ulbra Guaíba

Essa semana, recebi a visita do diretor da Ulbra Guaíba, Marcelo Müller. Ele falou sobre o plano de mensalidades menores, com descontos polpudos. Bem interessante para quem quer fazer um curso superior com mensalidades que caibam no orçamento.

O diretor ressaltou, também, a reavaliação de metodologias, com avaliação progressiva, e os novos cursos que estão chegando.

Estou fazendo esta propaganda gratuita da Ulbra Guaíba porque a Universidade foi a primeira a se instalar na Aldeia e tem dado contribuição relevante nas áreas da Educação e da Cultura. Em agosto de 2020, a Ulbra Guaíba completará 30 anos. Criou raízes e já faz parte da história da Região.

Zona Sul da Cidade

Associações de moradores da Zona Sul de Guaíba estão se unindo para reivindicar melhorias ao Governo Municipal, buscando criar um canal direto de comunicação.

De acordo com informações que recebi, a comunidade da Zona Sul da Cidade quer cobrar ações efetivas contra a poluição industrial; tirar do “papel” a proposta de alternativa para a cisão imposta naquela Região da Aldeia, que ficou com apenas uma via de acesso ao Centro; resgatar do patrimônio histórico e cultural do Bairro Alegria, incluindo o Balneário no circuito de turismo municipal; descentralizar eventos culturais e de lazer; ampliar o atendimento de saúde; e fortalecer a Segurança Pública.

Leandro André

[email protected]

Publicado em 9/11/2019.

Últimas Notícias

Na coluna deste sábado, 30, Leandro André fala sobre oposição importante e oposição tóxica.

Comunidade pede canil municipal em Guaíba.

MP cria a Rede Ambiental de Guaíba para tratar das questões do meio ambiente. Próximo encontro, dia 11/12, às 14h na sede do MP.

Publicidade

Institucional | Links | Assine | Anuncie | Fale Conosco

Copyright © 2019 Gazeta Centro-Sul - Todos os direitos reservados