Gazeta Centro-Sul

Contato: (51) 3055.1764 e (51) 3055.1321  |  Redes Sociais:

Quinta-feira, 12 de dezembro de 2019

25/10/2019 - 14h01min

Leandro André

Compartilhar no Facebook

enviar email

O Retrato do Desemprego

Em Guaíba, foram oferecidas 73 vagas de emprego nesta edição do Empregar RS. A mobilização foi grande em todo o Estado nessa sexta-feira, 18.

Multidões formaram filas enormes em busca de empregos. Aqui na Aldeia, a aglomeração de trabalhadores chamou a atenção. Vejam a foto na contracapa desta edição. A imagem é o retrato do desemprego no País.

Este drama em busca de uma vaga no mercado de trabalho acontece em todo o Brasil. As pessoas querem trabalhar, precisam trabalhar; a dignidade da população está em risco. Isso é chocante; perturba.

Basicamente, são duas as causas do desemprego: a primeira é a revolução tecnológica, a máquina está tirando o emprego das pessoas e isso já não é mais ficção cientifica, é realidade; a segunda causa é política. Em um país lambanceiro e de corrupção elevada como o Brasil, investidores se afastam, e com eles, a geração de renda e de empregos.

Recentemente, havia uma quadrilha comandando a política nacional, conforme está revelado em dezenas de condenações judiciais envolvendo personagens do andar de cima. Para substituir o quadro da dor, uma gente lambanceira assumiu o comando. Eles brigam sem parar via redes sociais na Internet. Além disso, alguns se revelam corruptos envolvidos em “rachadinhas”, que na minha juventude era outra coisa. Agora, é o retrato da “nova política”.

A soma da revolução tecnológica com a falta de credibilidade no governo do País resulta em aglomerados de trabalhadores em busca de empregos.

Municipalização de Escolas

Os alunos estão sumindo das escolas, principalmente das estaduais. Estão sumindo como o dinheiro da carteira. Há algumas causas para explicar isso, que vão desde o mano que não quer nada com nada até o sistema educacional fora do esquadro. No entanto, entendo que um dos principais motivos do esvaziamento das escolas estaduais é a quebra de sequência. Eu explico.

A maioria dos pais dão preferência para matricular os filhos em uma instituição que comece na Educação Infantil e siga até o final do Ensino Fundamental, o que acontece na maioria das vezes na rede municipal. Sem falar na falência do Estado e nas consequências negativas disso.

Em Guaíba, será realizada no Auditório da Prefeitura, no dia 29 de outubro, às 13h30, uma audiência pública para tratar da municipalização das escolas estaduais Evaristo da Veiga; Dr. Gastão Leão; e Albino Hackmann, conforme edital publicado nesta edição da Gazeta.

Os professores vão se mobilizar e se manifestar contrários, conforme já aconteceu em relação ao CIEP de Guaíba na Cohab. Estão certos os professores que lutam pelos seus empregos nas escolas em que atuam; é compreensível. Acontece que as estruturas destas escolas da rede estadual se tornaram superdimensionadas para a realidade atual.

O tema é polêmico, porque interfere na vida funcional dos professores que atuam nas referidas instituições de ensino, mas precisa ser enfrentado mais hoje mais amanhã.

Alívio na Pindaíba

Um bom dinheiro extra deverá entrar nos cofres das prefeituras de todo o País com a divisão do bolo do Pré-Sal, aliviando a pindaíba.

A estimativa inicial é de que Guaíba receba cerca de R$ 4,3 milhões. Quando soube da notícia, o Prefeito Sperotto congelou fazendo o sinal de “joinha”, com os polegares apontando para o céu. Perguntei à assessoria do prefeito onde será investido o dinheiro extra. Resposta: em infraestrutura. Vamos conferir.

Maranata e Claudinha

Tem gente apostando numa dobradinha entre Maranata e Claudinha para concorrerem juntos à Prefeitura de Guaíba no ano que vem. Estão iludidos. Eles deverão disputar a eleição separados por dois motivos: primeiro, nenhum deles vai ceder a cabeça de chapa, pois entendem que chegou a sua vez; segundo, porque os discursos não fecham, portanto, ficariam com um discurso enfraquecido.

Tem a versão de que será feita uma pesquisa e quem estiver na frente, em abril do ano que vem, vai de cabeça de chapa. Dificilmente isso vai acontecer, considerando os perfis em questão.

Fim da Buraqueira

Pelo menos é o que promete o prefeito José Sperotto com a bolada dos empréstimos, somando R$ 17 milhões (ver matéria nesta edição). Atualmente, os guaibenses padecem com a grande quantidade de buracos nas ruas da Aldeia. Vamos acompanhar, pois uma coisa é anúncio e discurso, outra bem diferente é a realidade.



Eleição no SPMG

Até o fechamento desta edição, duas chapas haviam se inscrito para disputar a direção do Sindicato dos Professores Municipais de Guaíba (SPMG). A eleição será na próxima quinta-feira, 24. Disputa com emoção.



Conselho Tutelar

Confusão no pós-eleição para conselheiro tutelar em Guaíba. Denúncias de irregularidades estão sendo analisadas, o que está atrasando as homologações dos vencedores. Lamentável, principalmente por tratar-se do Conselho Tutelar, o primeiro do RS e o segundo do Brasil. A primeira coisa que se espera de um conselheiro tutelar é que respeite as regras.



Leandro André

[email protected]

Publicado em 19/10/2019.

Últimas Notícias

Na coluna deste sábado, 30, Leandro André fala sobre oposição importante e oposição tóxica.

Comunidade pede canil municipal em Guaíba.

MP cria a Rede Ambiental de Guaíba para tratar das questões do meio ambiente. Próximo encontro, dia 11/12, às 14h na sede do MP.

Publicidade

Institucional | Links | Assine | Anuncie | Fale Conosco

Copyright © 2019 Gazeta Centro-Sul - Todos os direitos reservados