Gazeta Centro-Sul

Contato: (51) 3055.1764 e (51) 3055.1321  |  Redes Sociais:

Sexta-feira, 22 de setembro de 2017

18/09/2017 - 09h57min

Editorial

O Legado da Revolução Farroupilha

Compartilhar no Facebook

Mais uma vez, estamos celebrando a Revolução Farroupilha; momento oportuno para refletirmos sobre o legado deste evento histórico que tanto emociona os gaúchos. E neste contexto, buscando reafirmar o aprendizado que a saga farrapa deixou, é preciso entender o que a motivou.

A centralização da riqueza de tudo o que é produzido nos Estados do Brasil, por meio de seus municípios, é uma triste realidade que se mantém, apesar do desequilíbrio social que isso gera em todos os cantos do País. O dinheiro dos impostos vai para a Capital Federal e volta minguado. Fica pelo meio do caminho, perdendo-se nos labirintos da burocracia, nos ralos da gestão ineficiente, escorrendo pelas tantas frestas da corrupção.

No Século 19, os estancieiros rio-grandenses se indignaram com essa situação injusta de centralização do dinheiro e decidiram lutar contra o Império, iniciando uma guerra que durou dez anos. Foi uma luta dura, movida pela bravura dos farroupilhas.

A guerra não terminou com a vitória dos valentes revolucionários, mas deixou uma importante mensagem: os heróis do passado mostraram que devemos nos indignar contra as injustiças e lutar por mudanças que proporcionem melhor qualidade de vida para a população. Sim, este foi o principal ensinamento que ficou da Revolução Farroupilha. Isso não significa que tenhamos que pegar em armas, como aconteceu no Século 19, mas que devemos protestar contra as injustiças e lutar por mudanças, tendo o voto consciente como a principal arma.

O que os gaúchos comemoram, todos os anos, nestes dias de setembro que antecedem a primavera, é o espírito guerreiro dos farroupilhas. Espera-se que esta comemoração se reverta em ações políticas capazes de promover a descentralização da riqueza, e, consequentemente, melhorar a qualidade de vida do povo brasileiro.

Publicado em 16/9/2017.


Últimas Notícias

Quarta, 20. Grande desfile de manhã. Festejos farroupilhas de Guaíba encerram com show de César Oliveira e Rogério Melo, 19h30 no Coelhão.

BM e Civil negam toque de recolher no Bairro Vila Nova em Guaíba. Confira na versão impressa deste sábado, 16.

Cerca de quatro mil pessoas assistiram o Musical Do Cipreste ao Piratini neste final de semana em Guaíba.

Publicidade

Institucional | Links | Assine | Anuncie | Fale Conosco

Copyright © 2017 Gazeta Centro-Sul - Todos os direitos reservados