Gazeta Centro-Sul

Contato: (51) 3055.1764 e (51) 3055.1321  |  Redes Sociais:

Domingo, 17 de novembro de 2019

24/06/2019 - 14h31min

Comportamento

Compartilhar no Facebook

enviar email

Solstício de Inverno

Nessa sexta-feira, 21 de junho, às 12h54, aconteceu o solstício de inverno no Hemisfério Sul. Ou seja, começou o nosso inverno.

As datas e os horários precisos que determinam o início das quatro estações do ano são acontecimentos astronômicos chamados de Solstício (de verão e de inverno) e Equinócio (de primavera e de outono).

Nas chamadas meias-estações, primavera e outono, o Sol ilumina os dois hemisférios do nosso Planeta por igual, não há inclinação no eixo da Terra em relação ao astro-rei. Os dias e as noites, então, têm a mesma duração: 12 horas.

Porém, no verão e no inverno, um dos hemisférios recebe maior incidência de luz solar do que o outro porque o eixo da Terra está inclinado em relação ao seu movimento ao redor do Sol. Assim, enquanto os dias são mais longos do que as noites no Hemisfério Norte (verão), no Sul, as noites são maiores (inverno), e vice-versa.

E se o solstício de inverno já aconteceu no Hemisfério Sul, é tempo de festas juninas, que foram trazidas para o Brasil pelos portugueses, pois faziam parte da tradição lusitana.

Três santos populares da Igreja Católica foram muito bem aceitos e passaram a ser celebrados pela população brasileira no mês de junho, inclusive por negros e índios. O dia de São João, que deu nome às festas, é 24 de junho. Mas a data, até a Idade Média, era relacionada a uma festa pagã. Com a cristianização de grande parte dos europeus, foi intitulada de “Festa de São João”. Na parceria de São Pedro, dia 29, e de Santo Antônio, dia 13, as festas juninas se espraiaram pelo Brasil.

Com suas fogueiras e seus casamentos na roça, tudo adoçado por rapaduras e cocadas, saboreadas com quentão, as festas juninas tornaram-se eventos muito esperados, principalmente pelas crianças.

Nessa sexta-feira, 21 de junho, às 12h54, aconteceu o solstício de inverno no Hemisfério Sul, dando passagem a mais um inverno e anunciando que as festas de São João devem acontecer por toda parte.


No final das contas, se o eixo da Terra se inclinou outra vez em relação ao Sol, e as noites serão mais longas do que os dias no Hemisfério Sul, mantendo a tradição do Universo, esse fenômeno astronômico deve ser festejado por todos nós. Especialmente pelas crianças.

Cristina André

[email protected]

Publicado em 22/6/2019.

Últimas Notícias

Vereador de Guaíba, Jonas Xavier, passou mal em sessão solene na quarta, 13, e foi hospitalizado. Está em observação.

Matéria sobre o PA e o novo hospital de Guaíba na versão impressa deste sábado, 2.

Campeonato de Skate Dowhill, em Guaíba, neste domingo. Av. Dona Frutuosa.

Publicidade

Institucional | Links | Assine | Anuncie | Fale Conosco

Copyright © 2019 Gazeta Centro-Sul - Todos os direitos reservados